Mais vistos

sábado, 18 de abril de 2015

Restaurantes em Santiago do Chile

Olá queridos leitores e leitoras. Hoje vou falar de alguns restaurantes tops que conheci quando em estive em Santiago, em agosto de 2014.
Vou começar pelo Pátio Bella Vista pra depois falar dos restaurantes.
O Pátio Bella Vista (clique aqui para mais detalhes), é um pátio a céu aberto, com vários restaurantes dentro dele. Está localizado no bairro Bella Vista.

Pátio Bella Vista

Como água para chocolate

Este restaurante é muito conhecido entre os brasileiros, e leva a fama de ser afrodisíaco por ter alguns pratos com temperos diferentes e preparados de formas diferentes. O ambiente é bem rústico mas é gostoso.  Essa primeira foto foi do prato "pescado al fuego". É um peixe flambado com run e coberto de batatas com creme de espinafre e champignon. Delicioso. Eles flambam na mesa, na frente do cliente. Super legal. 

Pescado al fuego

Pescado al fuego


 Outro prato que pedimos foi o Congrio Almendrada. É um peixe de agua gelada, típico da região dos andes, que vem com uma crosta de amêndoas e molho de espinafre. Esqueci de tirar foto desse, mas ele vem numa chapa fervendo.


E a sobremesa de tres leches, deliciosa e bonita de se ver.

Tres Leches

 100 Montanditos

É um restaurante de tapas e lanches fundado na Espanha, mas que tem em Miami, na Linconl Road e em Santiago. Não fomos lá, mas os lanches não são de hamburguer, são de frios, tipo presunto parma, peito de peru, queijo brie, etc.




Lanches do 100 montanditos

Mestizo

Restaurante excelente, local maravilhoso, vale a pena conhecer.
O local é meio afastado do centro da cidade, e o restaurante fica ao lado do parque Bicentenário.
Vá de táxi e aproveite pra conhecer as redondezas do bairro Vitacura, com lindos prédios e lojas de grife.
Os paezinhos da entrada era maravilhosos, e os pates vinham numa cumbuca de pedra. Achei super criativo e combinando com o ambiente.

Entrada
 Meu prato foi um nhoc ao azeite trufado e raspas de trufas negras. Amei. Eu adoro o sabor da trufa mas tem gente que não gosta. Vou compartilhar um texto rápido explicando essa iguaria tão cara.

"As trufas são consideradas os diamantes negros da gastronomia por sua raridade e valor ou cogumelos gourmet. Já são apreciadas desde muito tempo. Os gregos e os romanos, atribuiram-lhes poderes curativos e afrodisíacos e hoje em dias são reverenciadas por gourmets do mundo inteiro.
As trufas possuem aroma intenso e dão um sabor único aos pratos.
Elas podem ser encontradas de variadas formas: Mel de Tartufo, Manteiga de Tartufo, Creme de Tartufo, Tartufo ao Natural, Azeite ao Tartufo e mais." texto do blog http://www.degustariogastronomia.com.br/

Meu prato predileto. Nhoc ao molho de trufas negras

Entrada do restaurante

Jardim do parque com vista para o restaurante

Congrio que as meninas pediram. Também estava delicioso.

Sentamos na parte de baixo com vista pra lago
Liguria 

Restaurante indicado pelo ator Caio Castro (hummmm sim meninas, ele é meu amigo íntimo). Brincadeiras à parte, mas ele estava em Santiago na mesma época que a gente, por isso fui pegando as dicas dele pelo instagram.
O restaurante fica no centro da cidade. A decoração e o ambiente são super bacanas, e o local é bem agitado.
A comida eu adorei. Meu prato foi massa de espinafre recheada de queijo brie com molho de tomate frescos. Estava uma delícia mas agora vendo as fotos me deparei com algo branco no canto do prato e não me lembro o que era isso OMG. Será que eu comi sem saber?? Ou será que era um pedaço de pão do couvert??

Massa de espinafre recheado de brie e molho de tomates frescos
Juro que não lembro desse intruso no meu prato. Mas já comi e to viva. Próximo restaurante...

BORAGó

Esse restaurante é uma experiencia gastronômica pra lá de diferente (clique aqui para acessar o site).
O restaurante funciona com menu degustação e o valor é bem alto. São 9 pratos e 9 taças de vinhos diferentes, combinando com cada prato. É preciso fazer reserva, por ser menu degustação, eles aceitam 9 mesas pequenas por noite, 

Fachada do restaurante


Pra vocês entenderem, o conceito do restaurante é de proporcionar uma experiência gastronômica estimulando os 4 sentidos: visão, tato, paladar e olfato.
Os pratos são quase uma obra de arte de tao elaborados. eles veem em vaso de barro, porcelana ou em pedras.
Na foto abaixo vocês podem ver uma ávore. Sim, esse era um dos pratos.


preparando os pratos antes de levar as mesas

Cozinha toda de vidro bem de frente com as mesas
Abaixo, alguns vinhos que foram servidos durante o nosso jantar.
Todos muitos bons, mas não me lembro agora qual vinho combinava com qual prato e nem qual era o melhor....ooo memória boa a minha.







Não tem prato nas mesas. Você tem que comer com as mãos. 
Primeira entrada. A cada prato, o garçom explica o que é e o porque disso.
A entrada era pãozinho com pate de tinta de lula. O intuito era parecer um potinho de terra.


Entrada número 1
 Segunda entrada. Era um vaso cheio de pedras, com mandiopã em cima. O nome não é mandipã, mas eu não me lembro, e pra mim, o gosto e a textura eram de mandiopã.

Entrada número 2
Terceira entrada. Agora começaram as estranhezas rsrsrs. Veio esse vaso de alumínio com galhos cheio de folhas. Os galhos eram stick de pão preto e as folhas eram folhas comestíveis. 


O gosto até que era bom. Mas realmente, aquele ditado de comer com os olhos, é pura verdade. Os meus olhos não brilharam com essa comida ai, porque é algo que não estamos acostumados, é algo que não nos remete a comida. Por isso, após a minha visão torcer o nariz para aquela imagem, o meu tato sentiu como algo da terra, algo que não era de comer e quando chegou no meu paladar, a mensagem passada era de algo não saboroso, sem graça. E assim foram os outros pratos.

A quarta entrada era uma sopa. Porém ela vinha nessa tigela, com todas essas folhas cobertas em cima, como se fosse uma tampa. Ai vc tira essa tampa e lá está a sopa.


Sopa
Pratos Principais
Esse da foto abaixo era peixe em pedacinhos coberto com tinta de lula. Veio nesse prato de pedra, com as folhinhas em cima.
Peixe com tinta de lula coberto de folhas

O segundo prato era peixe coberto com flores comestíveis.

Peixe com flores

Não vou falar de todos os pratos porque não anotei e não lembro o que eram. Então seguem algumas fotos.


A foto abaixo remete a um ninho e o prato eram os ovos de codorna. Esse eu não comi porque não gosto de ovo de codorna e nem de galinha.



Nossa mesa com as taças que tomamos
Um dos vinhos foi servido nesse chifre de touro

Nossa mesa enfeitada com as entradas




No prato abaixo, parecia peixe cru, mas não era. Assim que coloquei na boca, me deu uma ansia, olhei pras meninas, olhei pro garçom, e não sabia o que eu fazia porque não tinha prato e nem guardanapo de papel pra eu cuspir. O garçom percebeu e correu pegar um guardanapo pra mim.
Ainda bem, porque aquilo era nojento e horrível. Não posso nem lembrar.



O prato que eu mais gostei foi esse abaixo. Eram nhoc com molho de frutos do mar.

Foi o prato que mais gostei. nhoc
O último prato foi essa pedra com ovos que saiam fumaça. Na verdade era a sobremesa. Os ovos eram algo parecido com mentos e gelo seco e por isso saia fumaça. Vejam o vídeo

video

Enfim, achei que valeu a pena ter essa experiência no Boragó, porque eu sou curiosa e gosto de conhecer novos lugares e coisas diferentes, mas não voltaria. Gosto mesmo é de comida boa e saborosa.
Espero que tenham gostado das minhas dicas.
Hasta luego :*

Um comentário :

  1. Adoreiiii suas dicas Pepinha!!!
    vou em todos!!
    bjuss
    Titi

    ResponderExcluir